Prefeitura de Marau (RS)

Notícias

Prefeitura proporciona consumo alimentar consciente nas creches

As escolas de educação infantil passam a ter quatro refeições diárias, oferecendo alimentos in natura e preparados no educandário. São cerca de 6.800 refeições diárias.

O Prefeito Iura Kurtz e a Secretária de Educação Fernanda Brandoli estiveram visitando as escolas de educação infantil do município, verificando a inclusão do chamado “jantar” nas creches. Esse é mais um projeto do Governo Municipal que estabeleceu uma alimentação consciente nos educandários.

Estamos vivenciando nesses últimos anos uma inversão nos padrões dos distúrbios nutricionais apresentados pela população. A ocorrência de obesidade vem ganhando força, muito diferente de tempos atrás, os quais o principal enfrentamento era a fome e a desnutrição. Entre as crianças, por exemplo, a última Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) apontou que, a prevalência de excesso de peso nos últimos 30 anos passou de uma média de 10% para mais de 30% (IBGE, 2010). O elevado consumo de alimentos industrializados e mudanças no estilo de vida são os responsáveis por esse cenário.

É função também da escola educar quanto a um consumo alimentar consciente e ofertar através do cardápio escolar alimentos saudáveis, que garantam a qualidade nutricional e sanitária, além de fortalecer hábitos culturais e incentivo à agricultura familiar.

Com esse propósito, a Prefeitura Municipal de Marau, através da Secretaria Municipal de Educação - Setor de Alimentação Escolar do município-, que está sob responsabilidade técnica da Nutricionista Cássia Cassol Damo, realizou neste segundo semestre de 2018 alguns ajustes no cardápio da Educação Infantil, com a inclusão do “jantar” como refeição. Dessa forma, passa-se a ofertar quatro refeições: café da manhã, almoço, lanche da tarde e jantar.

“Estamos investindo mais de 35% do orçamento em educação. É um investimento visando o futuro de Marau. Hoje as escolas de educação infantil atendem em torno de 2200 crianças, servindo cerca de 6800 refeições/dia”, destaca o Prefeito Iura Kurtz.  

O Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) objetiva a promoção do crescimento, da aprendizagem, do desenvolvimento biopsicossocial, do rendimento escolar e formação de práticas alimentares saudáveis. Para tanto, o cardápio escolar deve ser pensado para além de simplesmente atender as necessidades nutricionais do educando, e sim, promover a construção de hábitos alimentares saudáveis.

Para a Secretária Fernanda Brandoli, “a inclusão do jantar surge como forma de substituir o antigo formato de lanche da tarde e, assim, oferecer alimentos in natura e preparados na escola. Além da garantia do aporte nutricional correto, garante-se uma alimentação baseada em “comida de verdade”. Incentivar o consumo alimentar adequado a criança garante que essa se torne um adulto saudável, contribuindo na melhora do cenário de saúde atual”.

WhatsApp Image 2018 08 10 at 18.28.51

0
0
0
s2sdefault
Categoria: